5066 – Um filho de pais destros pode nascer canhoto?


Nunca se sabe qual é a causa exata de um indivíduo ser destro ou canhoto. A escolha da mão mais útil é o resultado da ação de vários genes e também do ambiente onde eles se combinam. “Não é uma herança fácil de determinar, como a cor dos olhos ou a do cabelo”, explica uma geneticista da Universidade de São Paulo. Tanto que nada impede que pais canhotos tenham um filho destro – ou vice-versa. Segundo Mayana, ainda que os genes favoreçam uma ou outra característica, fatores como a posição do útero no momento da fecundação podem mudar tudo. E, mesmo que a criança nasça com tendência a ser destra ou canhota, ela pode ser condicionada a usar a outra mão. Bom mesmo é ser ambidestro. Se bem que na política dá confusão.

4955 – Genética no Século 20


Quando o nosso século começou, até mesmo os mais instruídos acreditavam que os traços hereditários como a estatura, a cor dos olhos e o tipo de cabelo eram transmitidos pelo sangue, ou seja, pela mistura dos líquidos do pai e da mãe. Já se conhecia o DNA desde 1869, mas ninguém sabia para que poderia servir. A idéia do parentesco entre o homem e o macaco ainda era motivo de chacota. E os dinossauros, tidos como bichos que não conseguiram lugar na Arca de Noé. Para você ter uma medida do quanto a ciência ampliou seu conhecimento sobre o homem e a natureza nestes 100 anos, é só observar os temas que os cientistas de hoje estão discutindo – vida em outros planetas, terapia genética, plantas e animais transgênicos. Já se pensa até em clonar gente! O século XX ficará registrado como aquele em que mais se descobriu sobre o que aconteceu em todos os que o antecederam nos 4,6 bilhões de anos do planeta. O que será que nos reserva o século XXI?