2656- Cometa – Faça o seu em casa


Basta um pedaço de gelo seco, uma luva de borracha, um pregador de roupa e uma lanterna.
Enquanto se aproxima do Sol (e da Terra), o cometa Hale-Bopp vai formando a sua cauda. Dá para fazer uma coisa parecida em casa mesmo. Só é preciso um pouco de gelo seco, que você acha em qualquer sorveteria. É que os cometas são feitos de gelo (misturado com um pouco de poeira). Principalmente de gelo seco, que é gás carbônico congelado. Conforme o cometa chega perto do Sol, o gás carbônico passa direto do estado sólido (gelo) para o gasoso, formando a cauda. Esse salto de sólido para gás, sem passar pelo estado líquido, chama-se sublimação. Mas cuidado! Mexer com gelo seco é muito perigoso porque sua temperatura é de menos 40 graus Celsius. Isso queima a pele. O melhor é segurá-lo com uma luva de borracha, daquelas usadas para trabalhos doméstico, e prender o naco de gelo num pregador de roupa. O gelo não pinga, mas solta uma fumacinha que é idêntica à que escapa do núcleo do cometa. Para dar um toque realista à sua experiência, assopre o pedaço de gelo, ou use um ventiladorzinho. Note que isso produz uma bela cauda. O sopro imita a ação da luz do sol e do seu “vento” (partículas elétricas que ele lança ao espaço). A luz e o vento corroem o núcleo, criando a cauda. É por isso que os cometas mantêm a cauda sempre contra o Sol. Quando ele se aproxima, ela está para trás. Mas, quando ele se afasta, a cauda fica na frente do núcleo! Se você iluminar o cometinha com uma lanterna, vai conseguir um bom efeito.
Construção do modelo, passo a passo
1 – Para montar o cometa
Material: pedaço de gelo seco, pregador de roupa, luvas de borracha, lanterna e ventilador.
2 – Trabalhe com segurança
Cuidado para não se queimar. Usando uma luva de borracha, pegue o gelo seco com o pregador de roupa.
3 – Fazendo a cauda
Sopre o gelo seco e observe que o gás se solta e faz um “rabo”.
4 – O efeito do Sol
Iluminada pela lanterna, a cauda do cometa fica brilhante.