12.084- Foguete da SpaceX faz pouso de sucesso após lançamento de satélites


Um fato inédito na história espacial – e que vai revolucionar nossas viagens ao espaço. A empresa americana SpaceX conseguiu realizar um pouso bem sucedido do foguete Falcon 9, que retornou do espaço. Já haviam sido feito quatro tentativas anteriores de aterrissagens no mar, mas todas haviam dado errado.
Com esse feito, os foguetes poderão ser reutilizados como naves espaciais – uma economia de muitos milhões de dólares.
O Falcon 9 decolou às 20h29 do dia 21 de dezembro (23h29 no horário de Brasília), numa missão para colocar 11 novos satélites em órbita. Após o lançamento, a parte do foguete responsável pela propulsão começou seu retorno à Terra. Apenas 11 minutos depois, pousou suavemente, em posição vertical. Ele chegou a subir cerca de 200 km antes de voltar.

12.083 – Google prepara sistema de inteligência artificial para apps de mensagem


google-lifi-li-fi-internet
O Google ficou para trás no setor de mensageiros instantâneos, mas resolveu eliminar o tempo perdido atacando uma vertente que começou a se desenvolver agora: a inteligência artificial. O Wall Street Journal reporta que a gigante de buscas prepara uma plataforma que atuará por trás de Hangouts e Messenger com chatbots, softwares programados para responder perguntas.
Cada vez que o usuário tiver uma questão, ele pode apelar para o robô, que usará a internet e o conhecimento que tem sobre a pessoa para responder. Por exemplo, se o sujeito pede indicações de restaurantes, a máquina poderia mostrar uma churrascaria, mas o usuário pode responder que é vegetariano, o que fará com que ele nunca mais receba indicações do tipo.
Ainda não há informações sobre o nome da novidade ou sua data de lançamento, mas o WSJ conversou com várias fontes dentro da empresa que confirmam as informações. Quem lidera o desenvolvimento é Nick Fox, que em outubro tentou comprar a 200 Labs – responsável por desenvolver chatbots que atuam no Telegram.
Além do Telegram, o Messenger do Facebook e o WeChat já começaram a trabalhar com inteligência artificial e, embora o Facebook costume cortar iniciativas com chatbots do WhatsApp, o serviço também se mostra apto a esse tipo de experimento.