10.956 – Mega Byte – Anonymous reivindica ciberataque ao Ministério da Defesa da França


anonymous

O grupo de hackers Anonymous reivindicou um ataque virtual contra o Ministério francês da Defesa nesta terça-feira, alegando querer “vingar” um manifestante ambientalista falecido em outubro durante a repressão a um protesto. “O portal ficou instável todo o dia”, admitiu o Ministério, garantindo, porém, que o site “não foi pirateado” e que “sua integridade não foi ameaçada”.
O Ministério disse estar investigando “para determinar se foi, efetivamente, um ataque e a partir de quais endereços IP [protocolo de internet] foram enviados os pedidos que saturaram o servidor”. Em texto divulgado na internet, o Anonymous explicou que o ataque era para “vingar” a morte de Rémi Fraisse por parte da polícia francesa.
O ambientalista Rémi Fraisse, de 21 anos, foi vítima da deflagração de uma granada ofensiva lançada pelos gendarmes durante uma manifestação no lugar onde será construída a polêmica represa de Sivens (sul da França). Após a morte de Fraisse, vários protestos foram organizados em diferentes cidades. Alguns desses atos terminaram em confrontos entre policiais e manifestantes.
A morte de Fraisse foi a primeira registrada na França na repressão a uma manifestação desde 1986. O episódio colocou o governo socialista em uma difícil posição, já confrontado com inúmeras críticas, incluindo nas próprias fileiras partidárias.

Um comentário sobre “10.956 – Mega Byte – Anonymous reivindica ciberataque ao Ministério da Defesa da França

  1. Sim, apenas o terror pode devolver ao territorio frances a liberdade a igualdade e a fraternidade. Berço das revoluçoes libertárias que ocorreram neste planeta – sou o whauswells comandante supremo e unico do exercito sideral anti mater 57 – ; a sociedade totalitaria eis o que hoje viceja em territorio frances : o terror das armas constitucionais a sodomia do israelita e a sodomia do chines e indu. a area central do planeta – europa e aparelhos asiaticos e da oceania – um imenso – aum so tempo – bordel e i,m.l. neste instante na sala desktop usp butantan zona oeste de sao paulo america do sul sou conhecido como piaui morador e andarilho. caso alguém nao tenha gostado inclusive do que mandei fazer com a familia de um policial militar aqui de Sao Paulo que ontem a noite me ofendeu quando fui comprar meu cigarro na S. Remo oeste aqui ao lado da Usp campus central Butantan oeste. rantaas limam aqulartanla setemisticos trersxvo daneovbveiv

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s