9050 – Mega Memória Teledramaturgia – Novela Celebridade


Celebridade_(telenovela)

☻ Mega Introdução
Acertando em cheio na trilha sonora, a Globo escolheu a clássica Loves Theme de Barry White, um sucesso da era pré-Disco, do início dos anos 70, como tema de abertura. Uma exceção à regra geral, provavelmente como homenagem ao recentemente falecido maestro norte-americano.

Exibida originalmente de 13 de outubro de 2003 a 26 de junho de 2004, em 221 capítulos. Escrita por Gilberto Braga, com a colaboração de Leonor Bassères, Ricardo Linhares, Sérgio Marques, Márcia Prates, Maria Helena Nascimento, Denise Bandeira e Ângela Chaves, teve direção geral de Dennis Carvalho.
Na verdade, Laura é uma arrivista, que não quer apenas tomar tudo da outra, mas transformar-se em uma nova Maria Clara. Na trama, a razão do ódio de Laura pela patroa é que ela é filha da verdadeira musa da canção que fez de Maria Clara uma mulher rica e famosa, enquanto ela e a mãe amargaram uma vida miserável. Maria Clara, porém, sempre acreditou que a música Musa de verão fora composta por seu ex-noivo Wagner em sua homenagem. Para realizar o plano de destruir a rival, Laura conta com a ajuda de Marcos, seu amante e cúmplice. Eles começam a trabalhar, respectivamente, como assistente e motorista de Maria Clara, e aos poucos vão se infiltrando na vida da “celebridade”. A dupla de vilões Laura e Marcos – a “Cachorra” e o “Michê”, como eles se chamavam mutuamente- aprontaram muito.

A telenovela estreou com 50 pontos de média, embalada com o sucesso de “Mulheres Apaixonadas”, sua antecessora no horário nobre.
Em seu último capítulo, Celebridade registrou a maior média de audiência de um capítulo final de novela desde Renascer, em 1993, 63 pontos, com picos de 67 pontos.
Celebridade obteve excelentes índices de audiência desde sua primeira semana no ar. A novela foi destaque na edição de março de 2004 da revista norte-americana Variety, que publicou uma entrevista com Gilberto Braga.