7869 – Sonda Espacial – Nasa nega que Voyager I tenha deixado Sistema Solar


A União Geofísica Americana divulgou na última quarta, 21 de março, que a sonda Voyager I havia ultrapassado a fronteira do Sistema Solar. Contudo, a Nasa, responsável pela sonda, não confirma a informação e diz haver um consenso em sua equipe de a Voyager I continua ainda na heliosfera – bolha de gás e campos magnéticos gerados pelo Sol.
A informação divulgada anteriormente pela União Geofísica, representada pelo Prof. Webber, emérito da Universidade Estadual do Novo México, dizia que as constatações da Voyager I indicavam que a quantidade de raios cósmicos da heliosfera diminuiu e que a intensidade dos raios cósmicos oriundos de pontos mais distantes da galáxia aumentaram. Essa configuração seria um sinal de saída do Sistema Solar.
A Nasa, porém, afirma que, uma vez que ainda não foi observada uma alteração na direção do campo magnético, não há como afirmar que o espaço interestelar foi atingido. Os dados de raios cósmicos indicam que a Voyager I está em uma zona de transição dentro da parte exterior da heliosfera, mas que a sonda permanece sob a esfera da influência magnética do sol.