7355 – Tartaruga planeja o próprio nascimento


As tartarugas da espécie Murray, que vive na Austrália, são capazes de sincronizar a hora de seu nascimento – para que todas saiam dos ovos ao mesmo tempo. Segundo cientistas, isso provavelmente é uma estratégia de defesa contra eventuais predadores.

Tartauga marinha, a história do casco você já conheceu no ☻Mega
Tartaruga marinha, a história do casco você já conheceu no ☻Mega

Um Pouco +
As tartarugas marinham são répteis que vivem nos oceanos em áreas tropicais e subtropicais.
Existem sete espécies de tartarugas marinhas (tartaruga-oliva, tartaruga-cabeçuda, tartaruga-verde, tartaruga-de-pente, tartaruga-de-kemp, tartaruga-de-couro e natator depressus).
O tamanho das tartarugas marinhas adultas pode variar de 1m até 2m de comprimento, caso da tartaruga-de-couro ou tartaruga-gigante. Indivíduos adultos desta espécie podem atingir até 600 kg.
Estes répteis se alimentam, principalmente, de medusas, camarões, esponjas e águas-vivas.
Quase todas as espécies são migratórias e conseguem se orientar pelos pólos magnéticos do planeta.
As fêmeas atingem a maturidade sexual por volta dos 30 anos de idade. Nesta fase, ela retorna para a praia onde nasceu para depositar os ovos. Estima-se que entre 100 filhotes nascidos, apenas um chegará a vida adulta.
Possuem um comportamento solitário e vivem grande parte do tempo submersas nas águas dos oceanos.
O acasalamento das tartarugas ocorre nas águas costeiras ou profundas dos oceanos.
Dependendo da espécie, a cor das tartarugas pode variar do marrom ao verde.
Possuem sistemas de audição e visão bem desenvolvidos.
Em função da caça predatória por vários anos, grande parte das espécies encontra-se em situação de extinção.

Peso: em média de 300 a 600 (animal adulto)
Comprimento: pode atingir até 2 metros de comprimento e 1,5 metros de largura (depende da espécie)
Reprodução: fecundação interna com 3 a 5 desovas numa mesma temporada de reprodução.