6448 – Som Automotivo – Para que servem os capacitores especiais para caixas automotivas?


Acredite, este mega capacitor tem 1 Farad!

Os capacitores de reforço como são denominados estes componentes são capacitores com uma grande capacitância (milhares de micro-fards) colocados em paralelo com o amplificador. O propósito de fazer isso é prover uma espécie de reserva de energia de onde o amplificador pode rapidamente consumi-la quando este precisar (por exemplo, durante um som grave). A teoria elétrica é que quando o amplificador tenta “puxar” uma grande corrente, não somente a bateria é relativamente devagar para responder, mas a voltagem no amplificador será um pouco abaixo que a voltagem da bateria propriamente dita (isto é chamdado de “queda de linha”).

Um capacitor no amplificador carregado pela voltagem da bateria irá tentar estabilizar o nível de voltagem no amplificador, descarregando corrente no amplificador. Uma outra forma de se pensar sobre isso é que o capacitor em paralelo com a carga age como se fosse um filtro passa-baixa, e a queda de voltagem no amplificador aparece como uma onda alternada imposta sobre uma tensão contínua. O capacitor então irá tentar filtrar esta onda alternada, deixando a tensão continua pura para o amplificador.
Portanto quando você tem problemas com as luzes do seu carro que diminuem de intensidade quando você aumenta o volume e os sons graves começam e você não quer mexer no seu alterador, uma solução pode ser o capacitor de reforço. O tamanho de capacitor é determinado pela seguinte formula: 1Farad para cada 1000 Watts. Por exemplo, um sistema com 300 Watts de potência irá precisar um capacitor de 0,3 Farads ou 300.000 mF (micro-Farads). Para instalar o capacitor, você não deve simplesmente instalar o mesmo junto a fiação de força do seu amplificador, pois este vai puxar uma quantidade muito grande de corrente do seu amplificador e pode queimar os fusíveis.

Para instala-lo corretamente, você deve colocar um resistor de alta potência e de baixo valor (por exemplo 25 ohms e ½ Watt de potência) ou uma lâmpada de teste de 12V entre a fiação de alimentação do amplificador e o capacitor, e então com isso o capacitor irá se carregar. Com a utilização da lâmpada, você pode desconectar os fios após a mesma ter se apagado, remova com muito cuidado os cabos de alimentação do capacitor e tome cuidado para não encostar as mãos nos terminais do capacitor. Após isso, você pode instalá-lo definitivamente, o mais próximo o possível do amplificador e assim usufruir de todos os benefícios do capacitor com graves consistentes e sem efeitos pisca-pisca nas luzes do seu carro.