4445 – Mega Atores – Jonatham Harris


Oh dor!!! Jargão do Dr Smith

Harris nasceu Jonathan Charasuchin no Bronx em Nova York, em 6 de novembro de 1914, filho de uma família de imigrantes judeus russos, e morreu em 3 de novembro de 2002 em Encino, Califórnia, EUA. Ficou mundiamente conhecido e consagrado como o Dr. Zachary Smith do seriado de TV Perdidos no Espaço.
Ele participou também de diversos outros seriados, tais como Zorro, Agente 86, A Feiticeira e Terra de Gigantes, mas foi com o papel do Doutor Smith de “Perdidos no Espaço” que Jonathan Harris marcou sua passagem pela TV. O Dr Smith era um vilão trapalhão, que sempre colocava a tripulação do Júpiter 2 em apuros. Sua frase inesquecível foi: “Nada tema, com Smith não há problema”, originalmente “Never fear, Smith is here”. Recentemente ele emprestava sua voz para dublar diversos personagens dos desenhos animados da Disney/Pixar.
Harris se tornou um ator em 1942, depois de tentar ser farmacêutico.
Durante a Segunda Guerra Mundial, atuou em espetáculos para tropas estacionadas no Pacífico.
Depois da guerra, voltou para Nova York e começou a trabalhar no teatro e na TV.
Conseguiu seu primeiro grande papel no seriado da década de 1950 “The Third Man”.
Mas foi no papel do falante e megalomaníaco doutor Smith de “Perdidos no Espaço” que Harris escreveu seu nome na história das artes dramáticas.
Em “Perdidos no Espaço”, o covarde vilão sabotava a nave Júpiter 2, da família Robinson, e todos -inclusive o doutor Smith- acabavam em um distante planeta inabitado.
Veiculado na década de 60, o seriado dividia com “Terra de Gigantes” e “Túnel do Tempo” a preferência da garotada da época. Nos últimos anos, Harris trabalhou com os estúdios de animação Pixar, emprestando sua voz única ao mágico Manny de “Vida de Inseto” e ao “médico” de bonecos em “Toy Story 2”
Em 1998, o diretor Stephen Hopkins fez uma adaptação da série para o cinema, mas o projeto acabou revelando-se um fiasco, especialmente por desagradar aos fãs do programa original de televisão.
O papel de Harris foi interpretado por Gary Oldman. Mas nada tinha a ver com o Dr Smith original.
Harris, ao visitar o Brasil na década de 60, afirmou:
“É a primeira vez que venho ao Brasil. Observei que aqui me dublaram na série Perdidos no Espaço, com voz fina, coisa que não tenho.
Na Alemanha, França e Inglaterra, a dublagem saiu quase perfeita. Gostaria muito de conhecer a pessoa que me dublou no Brasil.” Mostrou-se muito simpático, quando compareceu ao programa do Capitão Aza (Wilson Vianna), na TV Tupi, para que a criançada o conhecesse de perto.
Com suas brincadeiras, o desprezível Dr. Smith chegou a cativar a meninada.
Mesmo com 60 anos na época, seu aspecto era jovial e o bom humor, contagiante.
Jonathan, acompanhado de sua esposa, Dorothy foi também entrevistado no programa “Hebe”, depois de assistir, na cabina de projeção da Record, a um filme dublado da série Perdidos no Espaço.
Seu comentário: “Acho que o meu dublador é um grande artista. Se outros filmes meus forem exibidos no Brasil, quero que ele faça a minha voz.
Ele bateu um papo com Borges de Barros, o mendigo milionário da “Praça É Nossa” e dublador de sua voz em “Perdidos no Espaço”. Harris faleceu aos 87 anos, em 3 de novembro de 2002.

Causa da morte: Coágulo de sangue no coração.

Sepultamento:
Westwood Memorial Park.
Los Angeles – Califórnia, EUA.
Local: Santuário de Devoção.