3298 – Cinema – Uma Cilada Para Roger Rabbit


Poster

Filme de comédia e fantasia norte-americano de 1988, dirigido por Robert Zemeckis, produzido por Steven Spielberg e baseado no romance Who Censored Roger Rabbit?, de Gary K. Wolf.
O filme combina o uso de live-action e animação tradicional com elementos de um filme noir.
O enredo do filme se passa em Hollywood, em 1947, onde os personagens de desenho animado (chamados simplesmente de “desenhos”) co-existem e interagem naturalmente com os seres humanos. O filme conta a história de Eddie Valiant, um detetive particular capturado em um mistério que envolve Roger Rabbit, um famoso astro dos desenhos animados acusado de homicídio.
Walt Disney Pictures comprou os direitos de filmagem de Who Censored Roger Rabbit? em 1981. Jeffrey Price e Peter S. Seaman já haviam escrito dois esboços do roteiro antes da Disney trazer Spielberg e a Amblin Entertainment para ajudarem a financiar o filme. Zemeckis foi contratado para dirigir as cenas em live-action, com Richard Williams supervisionando as seqüências de animação] Para inspiração, Price e Seaman estudaram os trabalhos de Walt Disney e da Warner Bros. Cartoons, da Era de Ouro da animação americana, especialmente os desenhos de Tex Avery e Bob Clampett. A produção foi transferida de Los Angeles para Elstree Studios, na Inglaterra, com o objetivo de acomodar Williams e seu grupo de animadores.
Durante a filmagem, o orçamento da produção começou a aumentar rapidamente, e o calendário de filmagens tornou-se mais longo do que o esperado. Em compensação, Who Framed Roger Rabbit foi um grande sucesso de bilheteria e recebeu grande aclamação da crítica. O filme causou um re-interesse na era de ouro da animação americana e tornou-se a vanguarda da era moderna.
Em 1947, Los Angeles, Califórnia, os personagens de desenho animado (chamados simplesmente de “Desenhos”) são uma espécie de criaturas sapientes que co-existem naturalmente com os seres humanos, e vivem em uma seção da cidade conhecida como “Desenholândia”. Roger Rabbit é a estrela dos curta-metragens de animação produzidos pelo estúdio Maroon Desenhos, mas ele está tendo problemas em seguir os comandos do diretor, atrasando a produção. Estão sendo espalhados rumores de que Jessica Rabbit, a esposa de Roger, possui um cafetão e R.K. Maroon, o dono da Maroon Desenhos, contrata o detetive particular Eddie Valiant para investigar a situação. Eddie, cujo irmão Teddy foi morto por um Desenho há 5 anos atrás, relutantemente aceita o trabalho. Ele descobre que a atraente Jessica “traiu” Roger por, literalmente, brincar de “pirulito que bate-bate” com Marvin Acme, o dono da Corporação ACME e da Desenholândia. Eddie revela provas fotográficas para Roger Rabbit, que afunda em depressão. Marvin Acme é encontrado morto no dia seguinte e Roger torna-se o principal suspeito do assassinato.
Elenco
Bob Hoskins interpreta Eddie Valiant: Um detetive particular alcoólatra que não gosta de Desenhos, pois há 5 anos atrás um Desenho matou seu irmão ao jogar um piano na sua cabeça. A primeira escolha do produtor Steven Spielberg para o papel de Eddie Valiant foi Harrison Ford, mas ele estava pedindo muito dinheiro.
Charles Fleischer faz a voz de Roger Rabbit: Um famoso astro dos desenhos animados que trabalha no estúdio “Maroon Desenhos”. Roger é acusado como o principal suspeito do assassinato de Marvin Acme. Para facilitar a atuação de Hoskins, Fleischer vestiu uma fantasia de coelho e a “incorporou” atrás da câmera, na maioria das cenas. O diretor de animação Richard Williams explicou que Roger Rabbit foi uma combinação da “cabeça em forma de castanha de caju de Tex Avery, o ramo de cabelo ruivo… como o de Droopy, o macacão do Coelho Osvaldo, a gravata-borboleta do Gaguinho e as luvas do Mickey Mouse”. Fleischer também faz as vozes de Benny, o Táxi e de duas das doninhas da Patrulha Desenho: Psycho e Greasy. Lou Hirsch, que faz a voz do Baby Herman, foi a escolha inicial para a voz de Benny, mas foi substituído por Fleischer.
Christopher Lloyd interpreta Juiz Doom: O sádico juiz da Corte Superior Distrital de Desenholândia. Eventualmente, Doom revela-se ser na verdade um Desenho, e também o responsável pelas mortes do irmão de Eddie, Marvin Acme e R.K. Maroon. Doom é morto quando Eddie abre a válvula de drenagem do veículo expelidor de Caldo, banhando Doom com um forte jato da mistura e dissolvendo-o instantaneamente. Lloyd foi escalado para o elenco porque ele já trabalhara com o diretor Robert Zemeckis e a Amblin Entertainment no filme Back to the Future. Lloyd decidiu que era melhor não piscar os olhos durante as cenas, para poder interpretar perfeitamente o personagem.
Kathleen Turner faz a voz de Jessica Rabbit: A esposa fisicamente atraente de Roger Rabbit. Amy Irving dublou Jessica nas cenas em que ela canta, enquanto Kathleen Turner faz a voz normal.
Joanna Cassidy interpreta Dolores: A namorada de Eddie que ajuda ele e Roger a resolverem o caso contra o Juiz Doom. Dolores é também uma garçonete.
Alan Tilvern interpreta R.K. Maroon: O mal-humorado dono do estúdio “Maroon Desenhos”. Maroon contrata Eddie para descobrir o que está atrapalhando Roger em se concentrar na sua atuação nos curta-metragens. Ele acaba sendo assassinado pelo Juiz Doom. Esta foi a última atuação de Tilvern em um filme antes de sua morte.
Stubby Kaye interpreta Marvin Acme: O proprietário brincalhão da Corporação ACME. O escândalo de Acme brincando de “pirulito que bate-bate” com Jessica Rabbit o leva à sua própria morte.
Lou Hirsch faz a voz de Baby Herman: O coadjuvante de Roger Rabbit nos curta-metragens da Maroon Desenhos. Williams disse que Baby Herman foi uma mistura de “Hortelino Troca-Letras e Piu-Piu colididos juntos”.Abril Winchell faz a voz da Sra. Herman e os “sons de bebê”.
Oscar 1989 (EUA)
Venceu nas categorias de melhor montagem, melhores efeitos especiais e melhores efeitos sonoros.
Foi ainda indicado nas categorias de melhor direção de arte, melhor fotografia e melhor som.

Globo de Ouro (EUA)
Recebeu duas indicações nas categorias de melhor filme – comédia / musical e melhor ator em comédia / musical (Bob Hoskins).

Prêmio Saturno 1990 (Academy of Science Fiction, Fantasy & Horror Films, EUA)
Venceu nas categorias de melhor diretor, melhor filme de fantasia e melhores efeitos sonoros.

BAFTA 1989 (Reino Unido)
Vencedor na categoria de melhores efeitos especiais.
Foi indicado nas categorias de melhor edição, melhor desenho de produção, melhor fotografia e melhor roteiro adaptado.

César 1989 (La Nuit de Césars, França)
Indicado categoria de melhor filme estrangeiro.

Prêmio David 1989 (Premi David di Donatello, Itália)
Vencedor na categoria de melhor produtor estrangeiro.

3297 – Dr.Know – O Transplante de Medula Óssea


A Medula

Trata-se do transplante de células-tronco hematopoiéticas (TCTH) é um procedimento médico da área da hematologia e oncologia que envolve o transplante de células tronco hematopoiéticas provenientes da medula óssea do doador. Esse procedimento é indicado principalmente em doenças da medula óssea e certos tipos de câncer hematológicos. O TMO surgiu na década de 70, graças ao pioneirismo de E. Donnall Thomas e colaboradores, reconhecido mais tarde com o Prêmio Nobel em Fisiologia e Medicina. A principal característica desse procedimento e o que a difere da maioria dos transplantes de órgãos é que no TMO o receptor recebe por via endovenosa um aspirado de células de medula óssea do doador, e essas células migram pelo sangue até se fixarem na medula óssea do receptor e voltarem a se multiplicar e cumprir suas funções fisiológicas no hospedeiro. Apesar de aparentemente simples, ainda é um procedimento de risco e está indicado apenas em doenças graves. As principais complicações são infecções, recidivas da doença anterior e a doença do enxerto versus hospedeiro (graft versus host disease – GVHD), aonde as novas células do sistema imunológico, ao não reconhecer as células do hospedeiro, passam a destruí-las como se fossem uma infecção.
Condições tratadas com TMO
Adquiridas
Leucemia linfóide aguda
Leucemia mielóide aguda
Anemia aplástica
Leucemia mieloide crônica – fase acelarada ou crise blástica
Linfoma de Hodgkin
Mieloma múltiplo
Síndrome mielodisplásica
Linfoma não-Hodgkin
Hemoglobinúria paroxística noturna (HPN) – aplasia severa
Congênitas
Adrenoleucodistrofia
Síndrome de Hurler
Doença de Krabbe
Leucodistrofia metacromática
Talassemia
Linfohistiocitose hemofagocítica – (LHH)
Síndrome de Wiskott-Aldrich
Alguns erros inatos do metabolismo

3296 – Medicina – O que são gêmeos xifópagos?


Xipófagos, a Ciência ainda não tem explicações

Os gêmeos xifópagos, também chamados de gêmeos siameses, são gêmeos monozigóticos, ou seja, formados a partir do mesmo zigoto. Porém nesse caso, o disco embrionário não chega a se dividir por completo, produzindo gêmeos que estarão ligados por uma parte do corpo, ou têm uma parte do corpo comum aos dois. O embrião de gêmeos xifópagos é, então, constituído de apenas uma massa celular, sendo desenvolvido na mesma placenta, com o mesmo saco amniótico. Estima-se que dentre 40 gestações gemelares monozigóticas, uma resulta em gêmeos interligados por não separação completa.
Num outro tipo de gêmeos xifópagos (hoje sabidamente mais comum) a união acontece depois, ou seja, são gêmeos idênticos separados que se unem em alguma fase da gestação por partes semelhantes: cabeça com cabeça; abdômen com abdômen; nádegas com nádegas, etc. Quando vemos alguma notícia de gêmeos que foram “separados” por cirurgia, trata-se, quase sempre, de um caso destes.
O termo “siameses” originou-se de uma famosa ocorrência registrada desse fenômeno: os gêmeos Chang e Eng, que nasceram no Sião, Tailândia, em 1811, colados pelo ombro. Eles casaram, tiveram 22 filhos e permaneceram unidos até o fim de seus dias.
Xifópagos e Reencarnação – A Explicação Espiritual
A nomenclatura provém de xifóide que é o apêndice terminal do osso esterno (com s ), situado na frente do tórax onde se unem as costelas, isto porque muitos dos xifópagos estudados eram unidos por esta parte do corpo. As ligações (físicas) podem se efetuar por diversos órgãos ou segmentos corporais , inclusive inviabilizando a gestação ou a sobrevivência de ambos os recém-natos.
Nas situações onde DUAS ENTIDADES ESPIRITUAIS se ligam à esfera espiritual materna e posteriormente ao fluido vital do óvulo, ocorrendo a fecundação, o óvulo fecundado (zigoto) sob a influência de duas energias espirituais diferentes tende a se bipartir. No início da embriogênese quando o ovo inicia sua multiplicação, há pela presença de dois espíritos, a separação em duas células que desenvolverão dois organismos filhos.
No processo normal quando há duas entidades espirituais ligadas ao ovo (óvulo fecundado), a dita separação determina o surgimento de gêmeos univitelineos (idênticos). No entanto, no caso dos xifópagos , permanecem unidos durante a gestação originando a ligação física entre os dois corpos. Ligação esta que pode se efetuar, inclusive, por órgãos vitais impossibilitando a intervenção cirúrgica especialmente em determinadas áreas do planeta onde os recursos são ainda rudimentares na área médica.
Do ponto de vista da CIÊNCIA ESPÍRITA , temos a informação que as pessoas se vinculam energeticamente a outras pela sua postura mental. Há casos, onde esta fixação atinge níveis patológicos de ligação e intercâmbio energético-vibratório.
Espíritos que se odeiam mutuamente, por exemplo, mantém um fluxo de energia entre si prendendo-se reciprocamente.
Em muitas circunstâncias, não há possibilidade ,a curto ou mesmo a médio prazo, de se dissolver estas ligações para a recuperação psíquica dos envolvidos. À medida que os anos passam, a imantação se acentua atingindo níveis graves de comprometimento do corpo astral (perispírito) de ambos.
A anestesia temporária, pela terapia da reencarnação, poderá servir de impulso renovador na reconstituição da normalidade.
Considerando sempre que os pais são co-participes do processo, os vínculos comuns do pretérito é que os leva a vivenciar esta situação. Não são portanto vítimas inocentes de uma lei natural injusta e arbitraria. O reencontro comum pelas afinidades que os atraem por sintonia energética nada mais é que o merecimento ou lei natural de causa e efeito a qual se opera automaticamente.
Inimigos que estabelecem vínculos expressivos e desequilibrantes, retornam juntos e unidos. Não conseguem se separar, jungidos pelo laço extrafísico que se expressará pela equivalente ligação biológica.
A Explicação Científica
Trata-se de uma anomalia embrionária. um fenômeno raro, que ocorre somente entre gêmeos univitelinos, que se originam de um único óvulo fertilizado e compartilham a mesma placenta. Isso acontece quando o embrião se divide só após o 13o dia de gestação (o normal é até o 3o dia), o que pode fazer com que os fetos fiquem grudados por diversas partes do corpo. Os chamados xipófagos, com ligação pelo peito, são os mais comuns. Os médicos ainda não descobriram a causa dessa anomalia e por que resulta na união dos fetos.

3295 – Mega Memória Infantil – Wally Gator


Wally Gator(O Crocodilo Wally, no Brasil é um desenho animado americano produzido pela Hanna-Barbera Productions, estreou em 1962, como um segmento dentro da série de desenho animado, The Hanna-Barbera New Cartoon Series. Ele dividia o programa com mais dois segmentos: Lippy e Hardy e com A Tartaruga Touché.
Wally Gator é um jacaré antropomórfico, surge na abertura do desenho esquiando por entre os pântanos. Mas na verdade suas histórias se passam dentro do jardim zoológico da cidade, num espaço particular com piscina e cadeira. Apesar da sua vida cheia de mordomias, Wally Gator se sentia deprimido com aquela vida e passava a querer viver no mundo lá fora, por isso passava parte do seu tempo tentando escapar do zoológico.
Sua vontade era conhecer um pouco mais sobre a vida urbana e sobre os humanos, assim, sempre que o tratador e guarda do parque, Sr. Twiddles, se descuidava o bichinho aproveitava para protagonizar mais uma fuga. Obviamente que um jacaré à solta causava sempre uma tremenda confusão na cidade pois as pessoas não compreendiam as intenções do Wally e saiam correndo. Por vezes Wally Gator também passava a ser perseguido por ter prejudicado alguém. Mas assim que o Sr. Twiddles percebia que o Wally havia escapado novamente ele pacientemente ia à sua procura, antes que alguém o machucasse e o trazia para o zoológico novamente.
No Brasil o personagem foi dublado pelo ator Lima Duarte, hoje conhecido ator da Rede Globo, os desenhos do Wally Gator chegaram no Brasil pela TV Tupi em meados da década de 1960 e desde então são reprisados com sucesso em várias emissoras. Depois de sua série de televisão, Wally começou a aparecer como estrela convidada em algumas outra produção da Hanna-Barbera, juntamente com outros personagem HB.

3294 – Mega Memória Humor – Os 3 Patetas


Os 3 Patetas

Apresentado no Brasil pela Rede Globo

Foi um grupo cômico norte-americano do século XX, em atividade desde 1922 até 1970, mais conhecido por seus numerosos curta-metragens. Sua comicidade era marcada pela extrema comédia pastelão e farsa física.
A primeira formação do grupo consistia em Moe Howard, Larry Fine e Shemp Howard, que apareceram junto com Ted Healy no longa-metragem Soup to Nuts (1930), da Fox Film Corporation. Shemp retirou-se do grupo em 1932 para seguir carreira solo, e foi substituído por seu irmão mais novo Curly Howard. Esta formação do grupo apareceu com Healy em vários filmes da Metro-Goldwyn-Mayer, de 1933 a 1934.
Moe, Larry e Curly deixaram Healy em 1934 e se mudaram para a Columbia Pictures, onde passaram a estrelar sua clássica série de curta-metragens. Quando Curly retirou-se do grupo após sofrer um derrame cerebral, o cargo de “terceiro pateta” voltou a ser ocupado por Shemp, e posteriormente por Joe Besser. Ao todo, o grupo protagonizou 190 curta-metragens para a Columbia entre 1934 e 1958.
Depois do cinema, os curtas foram exibidos na televisão, possibilitando o nascimento de uma nova geração de fãs. Com o ressurgimento da popularidade d’Os Três Patetas, Moe e Larry convidaram Joe DeRita (apelidado de “Curly-Joe”) para juntar-se ao grupo. Moe, Larry e Curly-Joe estrelaram vários filmes de longa-metragem entre 1959 e 1970.
Com a saída de Shemp, Healy e os dois Patetas restantes, Moe e Larry, precisavam de um substituto. Moe sugeriu seu irmão mais novo, Jerome Howard. Healy deu uma olhada para Jerome, que tinha cabelos longos e um bigode, e achou que ele não era engraçado. Jerome saiu da sala e voltou alguns minutos depois com a cabeça raspada. Healy gostou dele e o chamou de “Curly” (existem vários relatos a respeito de como o personagem Curly foi criado).
Em 1933, a Metro Goldwyn Mayer (MGM) assinou com Healy e seus Patetas um contrato de cinema. Eles apareceram em vários filmes e curtas-metragens, quer em conjunto, individualmente, ou com várias combinações de atores. O trio foi apresentado em uma série de curtas de comédia musical. Em 1934, o contrato da equipe terminou com a MGM, e os Patetas se separaram novamente de Healy. Sua versão final com Healy, foi no filme da MGM,“Hollywood Party” de 1934.
Healy morreu sob circunstâncias misteriosas em 1937.
Os anos de ouro: Moe, Larry e Curly
Os Três Patetas no curta Healthy, Wealthy and Dumb (1938). Da esquerda para a direita: Moe Howard, Curly Howard e Larry Fine.
Em 1934, o trio (agora batizado de The Three Stooges), assinou com a Columbia Pictures por apenas algumas centenas de dólares por semana. Eles estrelaram 190 curtas-metragens nos anos 30, 40 e 50, tornando-se recordistas na categoria.
Na autobiografia do Moe, ele disse que cada um recebeu US $ 600 por semana em um contrato de um ano. Del Lord dirigiu mais de três dezenas de curtas dos Três Patetas. Jules White dirigiu dezenas de outras, e seu irmão Jack White dirigiu vários sob o pseudônimo “Preston Black”.
Moe, Larry, e o diretor Jules White consideram You Nazty Spy! (1940) como o melhor filme de suas carreiras. Neste curta-metragem de 18 minutos, Moe interpreta “Moe Hailstone”, um personagem parecido com Adolf Hitler, satirizando os nazistas em uma época em que a América ainda mantinha sua política de neutralidade. Curly interpretou uma espécie de Hermann Göring, repleto de medalhas, e Larry fez o papel de um embaixador ao estilo de Ribbentrop. You Nazty Spy! foi o primeiro filme de Hollywood que satirizou Hitler, sendo lançado em janeiro de 1940, nove meses antes de O Grande Ditador, de Charlie Chaplin. Consta que este filme levou os Patetas a serem colocados na então chamada “lista da morte” de Hitler por causa de sua posição anti-nazista. Chaplin, juntamente com Jack Benny, também estaria na tal lista devido à sua postura anti-nazista nos filmes.
Curly era de longe o membro mais popular da equipe. Seu jeito infantil e o charme de comédia fizeram dele um sucesso com o público. Porém, o fato de Curly raspar a cabeça para atuar o levou a se sentir pouco atraente para as mulheres. Para mascarar suas inseguranças, Curly começou a comer e beber excessivamente, e sempre estava bêbado quando os Patetas se apresentavam ao vivo. Seu peso aumentou na década de 1940, e sua pressão estava perigosamente alta. O estilo de vida selvagem e o alcoolismo deixaram Curly muito debilitado em 1945. Nos últimos doze curtas em que aparece, Curly estava gravemente doente, lutando para atuar nas cenas mais básicas.
Durante as filmagens de Três Idiotas de Elite em 6 de maio de 1946, Curly sofreu um derrame cerebral e o filme foi terminado sem ele. A saúde de Curly exigiu uma reforma temporária do trio e, enquanto os Patetas esperavam por uma recuperação completa, Curly nunca mais estrelou um filme novamente. Curly ainda fez uma pequena aparição no terceiro curta depois do retorno de Shemp, Segurem o Leão! (1947). Foi o único filme que continha todos os quatro Patetas originais: os três irmãos Howard e Larry.
Infelizmente, a condição de Curly piorou e ele morreu em 18 de janeiro de 1952.
Shemp apareceu com os Patetas em 77 curtas e mais um filme intitulado “Gold Western”. Durante este período, Moe, Larry e Shemp fizeram um piloto para um programa de televisão chamado Jerks of All Trades em 1949. A série nunca foi realizada.
Três anos após a morte de Curly, Shemp Howard morreu de um súbito ataque cardíaco aos 60 anos, em 22 de novembro de 1955. Cenas antigas de Shemp, combinadas com novas imagens do seu dublê, Joe Palma (filmado por trás ou com o rosto oculto), foram utilizados para completar os quatro últimos curtas do contrato de Shemp.
O último projeto dos Três Patetas, Kook’s Tour (1970), era um especial de uma hora feito para a televisão. Em 9 de janeiro de 1970, durante a produção do piloto, Larry Fine sofreu um derrame paralisante e não pôde completar o projeto, terminando sua carreira, bem como os planos para a série de televisão. Kook´s Tour nunca foi transmitido, mas está disponível atualmente em vídeo.
Larry Fine sofreu outro derrame em dezembro de 1974. No mês seguinte, sofreu um mais grave e entrou em coma. Ele faleceu em 24 de janeiro de 1975, com 72 anos de idade. Devastado pela morte de seu amigo, Moe, no entanto, decidiu que os Três Patetas iriam continuar. Depois da morte de Larry, foi decidido que o antigo ator de apoio dos Stooges, Emil Sitka, o substituiria.
Diversas ideias do filme foram consideradas. No entanto, Moe adoeceu por câncer de pulmão e morreu em 4 de maio de 1975, tornando-se inconcebível a continuação do grupo sem um Howard. Durante toda a carreira dos Três Patetas, Moe foi o coração e a alma da trupe, agindo tanto como sua principal força criativa quanto como seu empresário.
Joe Besser morreu no dia 1 de março de 1988, seguido por Curly Joe, 3 de julho de 1993. Emil Sitka morreu no dia 16 de janeiro de 1998, fazendo dele o “último” Pateta a morrer. A Comedy III Productions, Inc., formada por Moe, Larry, e Curly Joe em 1959 é a proprietária de todas as marcas, copyrights e merchandising dos Three Stooges.
Combinações
1. Ted, Moe e Shemp – (1922-1924)
2. Ted, Moe, Larry e Shemp – (1925-1932)
3. Ted, Moe, Larry e Curly – (1932-1934)
4. Moe, Larry e Curly – (1934-1946)
5. Moe, Larry e Shemp – (1947-1956)
6. Moe, Larry e Joe – (1957-1958)
7. Moe, Larry e Curly Joe – (1959-1970)
8. Moe, Emil e Curly Joe – (1971-1975)
A série televisiva de Os Três Patetas já foi exibida por praticamente todas as emissoras de TV brasileiras, desde a década de 50, na antiga Rede Tupi. As últimas emissoras que exibiram a série foram a Rede Globo, na década de 70, a TV Guaíba na década de 80, a Rede Record, de 1990 a 1998, e a Rede Bandeirantes, a partir de 2004 até 2005.
Na TV paga, o Warner Channel exibiu episódios da série entre 1997 e 1999. TCM ( Television Classic hollywood – brasil e Maio de 2009 a série voltou a ser exibida pela HBO,cujo o canal é o HBO Family quintas e sabádos com uma hora de curtas na dublagem original. já o Telecine Cult transmite alguns filmes legendados do trio. Em 2010 o TCM voltou a transmití-los.

3293 – Foto mostra onde termina a atmosfera terrestre e começa o espaço


O espaço começa aqui

A Nasa (agência espacial americana) divulgou nesta terça-feira a foto tirada por astronautas da ISS (Estação Espacial Internacional, na sigla em inglês) que deixa claro onde termina a atmosfera do planeta Terra e começa o espaço.
A imagem foi tirada quando o ônibus espacial Endeavour ainda se encontrava acoplado à ISS. A nave atualmente faz o caminho de retorno à Terra.
O pouso será nesta quarta-feira (1º de junho), no Centro Espacial Kennedy, na Flórida (EUA), e está previsto para a 1h35 (horário de Brasília).

3292 – O que são as caixas pretas dos aviões?


Caixa preta

As caixas pretas, que na realidade são vermelhas, é o nome popular de um sistema de registro de voz e dados existente nos aviões (e mais recentemente nas locomotivas dos Estados Unidos da América e Europa). O som ambiente das cabinas de comando e do sistema de áudio são gravados pelo “Gravador de Voz”, ou CVR (de Cockpit Voice Recorder), e os dados de performance como velocidade, aceleração, altitude e ajustes de potência, entre tantos outros, é gravado em outro equipamento conhecido como “Gravador de Dados”, ou FDR (de Flight Data Recorder).
São colocadas normalmente na cauda do avião e feitas de materiais muito resistentes, como aço inoxidável e titânio, capazes de suportar uma aceleração de 33 km/s², um impacto de 3.400G (1G= aceleração da gravidade da Terra), temperaturas de até 1.100°C por uma hora, e pressão aquática em profundidades de até 6.000 m, de forma a permitir que em caso de acidente se consigam recuperar os registros e investigar as causas do acidente. A incorporação destes sistemas nos aviões permitiu a melhoria da segurança nas viagens aéreas, já que foi possível assim detectar falhas que anteriormente davam origem a acidentes graves cuja causa não era possível ou muito difícil de determinar. Nos anos 50 era freqüente o acréscimo de novos equipamentos às aeronaves, e os pilotos americanos costumavam apelidá-los de caixas-pretas (another “black box” installed in our plane). E, de fato, os primeiros registradores de voz de cabina eram realmente pretos como todos os demais aviônicos. Logo se percebeu que, após um acidente, era bem mais fácil encontrar o equipamento entre os destroços se ele possuísse uma cor destacada. Hoje, eles geralmente apresentam uma cor laranja ou vermelho vivo, e ao contrário do que muitos pensam, ela não possuiu um transmissor de GPS. Quando submersa, o que dificulta a sua identificação visual, a caixa negra é capaz de emitir um pulso sonoro, na frequencia de 37,5 kHz, a uma profundidade de até 4.267 m. A primeira caixa-preta foi idealizada por Adolf Hitler após a morte de seu amigo e ministro Fritz Todt, num acidente aéreo, em fevereiro de 1942. Desde então, todos os aviões importantes da força aérea alemã eram obrigados a ter instalado o dispositivo que gravava magneticamente as conversas dentro do avião, no entanto a invenção de seu primeiro protótipo é atribuida ao Dr. David Warren na Austrália em 1953 porque após a derrota alemã na Segunda Guerra o mecanismo ficou esquecido. Foi no final da década de quarenta que se desenvolveu um gravador que utilizava como meio armazenador uma fita de metal, que era, de forma inerente, muito mais resistente às chamas do que a fita plástica convencional . Desta forma, o equipamento com este tipo de fita se tornou mais apropriado para resistir à um acidente aeronáutico. Atualmente já se usam equipamentos baseados em bancos de chips em invólucro resistente à chamas e impactos com capacidade bem superior.

Outros modelos

Inicialmente as autoridades australianas duvidaram da utilidade do artefato e ainda houve uma feroz resistência ao seu uso por parte dos pilotos, que se sentiam sob vigilância e viam a possibilidade de ter sua memória manchada pelas sombras da imperícia ou – pior – o uso político das gravações pelos patrões.

Caixa preta do Gol vôo 1907

3291 – Mega Memória – Seriados: James West, o 007 do faroeste


Poster

James West era uma série de TV do gênero western, muito ousado para a época, que mostrava as aventuras de dois agentes do Serviço Secreto norte-americano, no Velho Oeste, sob as ordens do então presidente Ulisses S. Grant, contra toda e qualquer ameaça contra os Estados Unidos e ao seu presidente, além de também investigarem outros crimes federais.A dupla de agentes federais eram formados por um ex-soldado da União chamado James e um ex-vigarista e mestre dos disfarces conhecido como Artemus. Durante as primeiras três temporadas da série a dupla era constantemente perseguido por um estranho vilão chamado Dr. Miguelito Loveless, que vivia inventando todo tipo de “engenhocas tecnológicas” para dar cabo aos dois agentes. O espetáculo apesar de ser um faroeste e centrado no Velho Oeste, a série mostrava uma porção de coisas diferentes como máquinas de terremoto, porções de encolhimento e outras maluquices, muito avançadas para a época, mas que compunham a parte humorística da série. A série foi apresentada originalmente nos Estados Unidos, pela rede CBS, entre 1965 a 1969, num total de 104 episódios e mais dois telefilmes.
Exibida no canal CBS por quatro temporadas (104 episódios), de 17 de setembro de 1965 a 4 de abril de 1969. Lançado numa época que os programas de faroeste começavam a sofrer a concorrência dos do gênero “Espionagem”, a proposta do criador da série, Michael Garrison, era fazer uma mescla dos dois e contar as aventuras de um “James Bond a cavalo”. Dois filmes de televisão foram feitos com o elenco original (1979 e 1980). Em 1999 foi lançada uma super-produção cinematográfica com um novo elenco e enredo, estrelada por Will Smith.
As aventuras traziam os tradicionais elementos de “Ação” e ‘Suspense” popularizados pelo cinema e por séries da TV americana: as tramas envolviam espionagem e ficção científica (numa linha conhecida por steampunk), pontuadas por passagens de comédia. Muitos episódios foram inspirados nas histórias de Edgar Allan Poe, H.G. Wells e Jules Verne.
Ainda com referência a James Bond, no programa apareciam sempre mulheres bonitas, parafernálias criativas e arqui-vilões ensandecidos e sempre prontos para dominar o país ou o mundo.
O desenho animado para a abertura dos créditos foi outro elemento único da série. Realizado por Format Animation, a tela foi dividida em cinco painéis. O centro retangular na vertical contém um desenho de um “heroi”, que interage com personagens nos paineis circundantes. Curiosamente, o desenho do heroi se assemelha mais a Clint Eastwood em Rawhide ou a James Arness em Gunsmoke do que a Robert Conrad.
A sequência original é a seguinte:
O heroi risca um fósforo, acende um cigarro e começa a caminhar de perfil
Atrás do heroi, no painel do canto inferior esquerdo, um assaltante com as costas para um banco. O herói o detém com um golpe de caratê.
No painel da parte superior direita, um carteador tenta puxar um ás de sua bota. O herói saca a arma e o carteador deixa cair a carta.
No painel da parte superior esquerda, um pistoleiro desarma o herói e o faz levantar as mãos. O heroi atira no pistoleiro com sua arma escondida na manga. A mão do pistoleiro é mostrada caída sem a arma.
Uma mulher no painel do canto inferior direito encobre o herói com sua sombrinha. Ele a puxa e a beija. Ela está prestes a lhe dar uma facada mas ele desdenha e a empurra contra a lateral da moldura, dominado-a com seu beijo. Ele faz um gesto com o chapéu e se afasta da câmera. Esta última vinheta mudou quando a série se tornou colorida: o heroi derruba a moça com um soco no queixo! Apesar da nova versão, James West nunca bateu em uma mulher em toda série, embora lutasse com algumas em várias ocasiões. (O mais próximo que ele chega é empurrar uma porta na malvada Condessa Zorana, que estava escondida para pegá-lo, em “The Night of the Iron Fist.” Em “The Night of the Running Death” ele arrasta a Senhora Tyler, mas “ela” acaba por ser revelar um ator disfarçado (T.C. Jones)). A animação inicial, com o herói dominando a mulher com um beijo ao invés de um soco, representava mais precisamente o Oeste. Ironicamente, é outro exemplo da ênfase dada a violência que cercou de críticas o programa. Mas a verdade é que James Bond, o inspirador da série, não era conhecido por tratar bem suas vilãs.
A câmera então mostra o painel do meio ampliado e o título The Wild Wild West aparece. A câmera envieza para um desenho do trem, com os nomes de Conrad e Martin nas extremidades da composição, em vagões diferentes.
Os quatro painéis dos cantos foram então utilizados para a pausa dos comerciais. Cada episódio foi dividido em quatro partes. No final de cada parte, a cena (geralmente um momento de perigo e suspense) congelava e um desenho ou fotografia da cena eventualmente substituía um dos painéis. Na primeira temporada todos os episódios que não o piloto, tinham painéis que evocavam as gravuras do século XIX. Na segunda temporada (a primeira em cores) as cenas de “The Night of the Flying Pie Plate” lembravam as serigrafias de Andy Warhol. Os créditos finais foram exibidos durante cada episódio do mosaico, em cada temporada, menos no último, quando foi utilizado um modelo padronizado.

3290 – Mega Personalidades – Martin Luther King


Luther King, Nobel da Paz em 1964

Martin Luther King , Jr. (Atlanta, 15 de janeiro de 1929 — Memphis, 4 de abril de 1968)
Pastor protestante e ativista políticonorte-americano. Tornou-se um dos mais importantes líderes do movimento dos direitos civis dos negros nos Estados Unidos, e no mundo, com uma campanha de não violência e de amor ao próximo. Ele foi a pessoa mais jovem a receber o Prémio Nobel da Paz em 1964, pouco antes de seu assassinato. Seu discurso mais famoso e lembrado é “Eu Tenho Um Sonho”.
O CLCS era composto principalmente por comunidades negras ligadas a igrejas batistas. King era seguidor das ideias de desobediência civil não-violenta preconizadas por Mohandas Gandhi (líder político indiano também conhecido como Mahatma Gandhi), e aplicava essas ideias nos protestos organizados pelo CLCS. King acertadamente previu que manifestações organizadas e não-violentas contra o sistema de segregação predominante no sul dos EUA, atacadas de modo violento por autoridades racistas e com ampla cobertura da mídia, iriam criar uma opinião pública favorável ao cumprimento dos direitos civis; e essa foi a ação fundamental que fez do debate acerca dos direitos civis o principal assunto político nos EUA a partir do começo da década de 1960.
Em 14 de outubro de 1964 King se tornou a pessoa mais jovem a receber o Nobel da Paz, que lhe foi outorgado em reconhecimento a sua naçao e à sua liderança na resistência não-violenta e pelo fim do preconceito racial nos Estados Unidos. Em 1968 King e o SCLC organizaram uma campanha por justiça sócio-econômica, contra a pobreza (a Campanha dos Pobres), que tinha por objetivo principal garantir ajuda para as comunidades mais pobres do país.
Martin Luther King era odiado por muitos segregacionistas do sul, o que culminou em seu assassinato no dia 4 de abril de 1968, momentos antes de uma marcha, num hotel da cidade de Memphis. James Earl Ray confessou o crime, mas anos depois repudiou sua confissão.Em 1986 foi estabelecido um feriado nacional nos Estados Unidos para homenagear Martin Luther King, o chamado Dia de Martin Luther King – sempre na terceira segunda-feira do mês de janeiro, data próxima ao aniversário de King. Em 1993, pela primeira vez, o feriado foi cumprido em todos os estados do país.

3289 – Astronáutica – Efeitos do espaço no organismo humano


A ida à Marte vem esbarrando em obstáculos tecnológicos e financeiros e agora, suspeita-se de que os astronautas ficariam bastante doentes durante a missão. Insônia, cansaço, dificiuldade de concentração, atrofia muscular, perda de cálcio, problemas circulatórios e no ouvido, esses foram alguns males comprovados. A radiação solar também preocupa. Atravessando a carapaça das naves pode destruir células no organismo. A única maneira de se proteger é monitorando o Sol: ao menor sinal de descarga, os astronautas se abrigariam num compartimento revestidopor camada isolante. O homem evoluiu e se adaptou à vida na Terra, cuja rotação moldou a rotina da humanidade: dorme-se à noite e trabalha-se de dia, mas, numa estação espacial, perde-se a referência, pois o Sol se põe a cada 45 minutos. A jornada à Marte levaria 259 dias de ida, 455 de estadia mínima e 259 na volta. Num período longo como ese, a vulnerabilidade óssea pode ser fatal.

3288 – A Hibernação Humana


Há anos, cientistas vêm sugerindo que a hibernação humana seria possível e poderia ser usada para retardar a morte de células durante o tratamento de doenças fatais.
Seria solução para longa viagem espacial
Cientistas da Universidade do Alasca descobriram que os ursos negros reduzem levemente sua temperatura corporal durante esse período, mas sua atividade metabólica fica muito abaixo dos níveis de outros animais que também hibernam.
Segundo seus autores, esta descoberta, que foi apresentada nesta quinta-feira na reunião anual da Associação Americana para o Avanço das Ciências (AAAS) foi inesperada, já que os processos químicos e biológicos de um organismo se desaceleram normalmente em 50% por cada 10°C de redução da temperatura corporal.
No entanto, segundo o estudo, que foi publicado nesta semana na revista Science, a temperatura corporal destes ursos diminuiu só cinco ou seis graus e seu metabolismo se desacelerou em 75% em comparação com sua atividade normal.
Durante o período de hibernação, os ursos passam de cinco a sete meses sem comer, beber, urinar ou defecar. Neste período, esses animais respiram apenas uma ou duas vezes por minuto e seu coração se desacelera entre as respirações.
Além disso, os cientistas descobriram que a atividade metabólica dos ursos continuou em níveis mais baixos várias semanas após o fim da hibernação.
Esta descoberta levou os pesquisadores a pensar que isso poderia ser útil para os humanos no futuro e eles constataram que a aplicação dos mecanismos de supressão metabólica em situações de emergência poderia salvar vidas.
“Uma rápida redução da atividade metabólica das vítimas de um derrame cerebral ou de um ataque cardíaco poderia deixar o paciente em um estado estável e protegido, o que daria aos médicos mais tempo para tratá-lo”, disse um dos pesquisadores.
A descoberta também poderia ser útil para uma longa viagem espacial, pois, se o corpo humano pudesse alcançar este tipo de hibernação, a viagem a um planeta distante ou a um asteroide poderia ser mais suportável para os astronautas.

3287- Quem quer viver 1 000 anos?


Agora já não é mais 100, é 1000.
O sonho da vida eterna é tão antigo quanto a autoconsciência humana da inevitabilidade da morte. Segundo os textos bíblicos, é acalentado desde o dia em que a curiosa Eva se rendeu à tentação do conhecimento, experimentou o fruto proibido e foi expulsa do paraíso da inconsciência, ao descobrir-se mortal. O fato é que, do primeiro casal para cá, não somente perdemos a prerrogativa da imortalidade como também alguns séculos de vida, pois dizem que Adão teria morrido aos 930 anos. Desde então, a pessoa que, comprovadamente, viveu mais tempo foi a francesa Jeanne-Louise Calment, morta em 1997, aos 122 anos – sinalizando que esse seria aproximadamente o limite de sobrevivência do corpo humano.
O biogerontologista inglês Aubrey de Grey está convencido de que o envelhecimento é um processo biológico que pode perfeitamente vir a ser controlado, da mesma forma que a ciência já conseguiu combater muitas doenças que antes eram tidas como incuráveis. Se tudo correr conforme prevê o cientista inglês, em dez anos a ciência conseguirá prolongar significativamente a vida de camundongos. E, aplicando-se o conhecimento adquirido com essas experiências, até 2030 já será possível aumentar a expectativa de vida do homem para algo em torno de 130 anos – quase o dobro da média mundial atual. De Grey vai mais longe em seus prognósticos para lá de otimistas. Em um artigo publicado no final de 2004 no site da rede BBC, ele disse acreditar que a primeira pessoa a viver até 1 000 anos já está entre nós e tem hoje por volta de 60 anos.
É difícil encontrar na comunidade científica quem faça coro às previsões mirabolantes de De Grey. A opinião predominante é que, a despeito de toda a tecnologia, não deverá haver avanços significativos na longevidade humana em um futuro próximo. Sobre o assunto, cientistas reunidos em um painel promovido há alguns anos pela revista Scientific American não deram motivos para muito otimismo: considerando todas as conquistas iminentes, como a terapia gênica e a possibilidade de substituição de quase todos os órgãos naturais, e mesmo a hibernação humana, a expectativa de vida no planeta alcançará, quando muito, 140 anos… Em 2500!
Enquanto se multiplicam no mundo os estudos sobre bons e maus hábitos, os cientistas matutam para encontrar drogas capazes de curar ou impedir o surgimento das doenças que acometem os mais idosos, como o Alzheimer, além das herdadas geneticamente. Inventam órgãos artificiais. Aprendem a corrigir genes defeituosos. Aprimoram técnicas de transplante e conhecimentos sobre células-tronco que, no futuro, servirão para cultivar novos órgãos – da pele ao pênis, do coração ao fígado. E se debruçam sobre o mapa genético humano na tentativa de encontrar uma causa específica para o envelhecimento.
Os cientistas querem descobrir agora como funciona o relógio orgânico que, fatalmente, conduz o ser humano ao fim. Eles até já teriam pistas do funcionamento do gene responsável por desencadear o processo. Se um dia se desvendará o mistério, ainda não se sabe.
• CENTENÁRIOS
No mundo todo, a faixa da população que vem crescendo mais é a dos idosos, sobretudo aqueles com mais de 100 anos. No ano de 2050, eles deverão formar um grupo 20 vezes maior que o de centenários do ano 2000.
• PERSPECTIVA
Mesmo levando-se em conta os avanços da ciência que devem ocorrer nos próximos anos, a maioria dos cientistas se mantém cética quanto à possibilidade de um aumento dramático na expectativa de vida do homem neste século.
• QUALIDADE DE VIDA
Se não vamos viver muito mais, ao menos deveremos viver melhor durante a velhice. O número de idosos que conseguem viver sem a ajuda de outras pessoas tende a crescer.

Eterna obsessão
Para o movimento transumanista, a tecnologia vai mudar o homem e, cedo ou tarde, torná-lo imortal
Enquanto os místicos tentam transcender os limites do corpo pela força espiritual, alguns pensadores, na direção oposta, acreditam que poderemos chegar ao paraíso pelo caminho da ciência e da tecnologia. Eles se autodenominam “transumanistas” e acreditam que a humanidade será radicalmente modificada pela tecnologia no futuro – a tal ponto que, em algum momento da história, nossos descendentes deixarão de ser, sob muitos aspectos, seres humanos. Uma das idéias combatidas pelos transumanistas é que o envelhecimento e a morte são acontecimentos inevitáveis. Mas, ao contrário de algumas religiões, que pregam a imortalidade espiritual ou a vida depois da morte, os transumanistas acreditam na possibilidade da imortalidade física. Para isso, bastaria superar as atuais limitações biológicas do homem, por meio dos avanços esperados em áreas como nanotecnologia, engenharia genética e cibernética. Para os transumanistas, cedo ou tarde, vai chegar o dia em que a morte só ocorrerá por acidente ou por decisão voluntária.
Um dos principais teóricos do transumanismo foi o escritor F.M. Esfandiary. Filho de um diplomata iraniano, ele nasceu na Bélgica, em 1930, e escreveu algumas obras de ficção científica antes de mudar seu nome para FM-2030, por acreditar que viveria pelo menos até os 100 anos. “Eu não tenho idade. Nasço e renasço todos os dias. Pretendo viver para sempre. E provavelmente viverei, a não ser que ocorra um acidente”, disse certa vez.
FM-2030 morreu em 2000, aos 69 anos, vítima de câncer no pâncreas. Seu corpo foi congelado na Alcor Life Extension Foundation, nos Estados Unidos, seguindo a prática da criogenia, que consiste em preservar o corpo à baixa temperatura – à espera de um dia em que a ciência possa ressuscitá-lo e realizar sua obsessão de vida eterna.

3286 – Mega Notícias – Superpãozinho nas creches


Pesquisadores da Unifesp acreditam ter criado a arma ideal para acabar com a anemia crônica das creches públicas brasileiras. O problema causa perda de memória e dificuldades no aprendizado. Para superar o problema bastaria acrescentar pó de ferro à farinha que entra na receita do pão. Os testes preliminares indicaram uma queda de 60% no número de anêmicos. A dose de ferro foi cuidadosamente calculada, já que a mudança no sabor poderia levar as crianças a recusar.
Anemia por deficiência de ferro ocorre quando o consumo na dieta ou absorção de ferro é insuficiente. Ferro é uma parte essencial da hemoglobina, e baixos níveis desse mineral resultam em incorporação diminuída de hemoglobina em célula vermelha. Nos Estados Unidos, 20% da mulheres pré-menopausa têm anemia por deficiência de ferro, comparadas a somente 2% dos homens. A principal causa de anemia por deficiência de ferro em mulheres pré-menopausa é a perda de sangue durante a menstruação. Estudos têm mostrado que a deficiência de ferro sem anemia causa queda de performance escolar e diminui o QI em garotas adolescentes. Em pacientes mais velhas, anemia por deficiência de ferro muitas vezes ocorre por lesões com sangramento no trato intestinal. Exame de fezes e endoscopia geralmente são feitos para identificar lesões com sangramentos, as quais podem ser malignas.

3285 – Trabalho – A Flexibilização da CLT


Prós e contras

As leis trabalhistas compõem o maior legado deixado por um presidente e se mantém de pé por mais de 6 décadas. A CLT foi anunciada por Getúlio Vargas em 1° de maio de 1943, na época aclamado por centenas de milhares de pessoas e hoje, com opositores. No governo FHC, por conta do terrível desemprego, hoje reduzido mas não solucionado; vários pontos da CLT foram modificados. Além de empresas terceirizadas campeãs de ações trabalhistas e que já existiam, surgiram as cooperativas, banco de horas, suspensão temporária do contrato de trabalho e jornada de trabalho de 25 horas para incentivo a criação de empregos. Mesmo com tais medidas, o número de ocupações formais caiu, para depois ser retomado, porém com nível de salários baixíssimo e díspare. Creceu o mercado informal na década de 1990 e setores com pouco poder de barganha, criando uma massa de trabalhadores que ficou à margem dos sindicatos e fora das linhas de negociação.

3284 – Você Sabia que…Um corpo saudável abriga 100 trilhões de microorganismos


Além de 10 trilhões de células próprias, um corpo saudável abriga 100 trilhões de microorganismos de até 100 mil espécies. Para chamar seu corpo de lar, doce lar, eles pagam um aluguel e tanto: digerem sua comida, produzem vitaminas e o protegem de doenças.
epidermidis.
Defendendo o território contra invasores, essa bactéria ajuda as lágrimas na faxina da conjuntiva, a membrana que reveste os olhos.
Fabricantes de cera
ONDE Ouvidos.
QUEM S. epidermidis.
Junto com a Corynebacterium, produz um pouco de cera – a maior parte, fabricada por glândulas no canal do ouvido, tem enzimas antibacterianas.
Dedetizadores
ONDE Nariz.
QUEM S. epidermidis.
Aqui, a onipresente bactéria das áreas externas ajuda na defesa do corpo. Sua simples presença inibe ataques de bactérias de pneumonia.
Pedreiros
ONDE Boca.
QUEM Várias bactérias.
Cada ml de saliva contém 100 milhões de bactérias! A comida acumulada traz espécies como Bacteroides, que causam placas e cáries nos dentes.
Professores
ONDE Garganta.
QUEM Streptococcus.
A presença dessas bactérias em pequena quantidade estimula as células do sistema imunológico a combater organismos invasores.
Perfuradores
ONDE Estômago.
QUEM H. pylori.
O ácido clorídrico costuma matar tudo. Mas a bactéria Helycobacter pylori às vezes resiste e provoca feridas na parede do estômago.
Mineradores
ONDE Intestino delgado.
QUEM Bactérias.
As poucas bactérias que sobrevivem ao muco antimicrobial absorvem nutrientes que o corpo não utiliza. Se aumentarem, causam diarréia.
Fabricantes de dejetos
ONDE Intestino grosso.
QUEM Bactérias.
Quilos de bactérias comem o que o corpo não absorve (fibras e celulose). Na fermentação, produzem metade do peso das fezes e os gases do cocô.
Seguranças
ONDE Pele.
QUEM Várias bactérias.
Alimentando-se de gordura (o sebo da pele), 3 tipos de bactérias liberam substâncias que agem como antibióticos, impedindo a vinda de organismos nocivos.
Turistas
ONDE Genitais.
QUEM Lactobacillus.
No pênis, os microorganismos só passam pelo local e são logo expulsos pela urina. Na vagina, a bactéria Lactobacillus deixa o ambiente ácido e protege contra candidíase.

3283 – No Brasil pode ter terremoto?


A certeza de que o Brasil era uma terra abençoada por Deus e imune a terremotos, foi abalada no início de dezembro, quando um tremor de 4,9 graus na escala Richter no vilarejo de Caraíbas (MG), causou a primeira morte no país. De fato, o Brasil tem pelo menos 48 falhas pequenas sob sua crosta – uma delas teria causado o chacoalhão fatal. Mas a imagem de um país remendado não é para assustar. Primeiro, porque o Brasil fica no meio de uma placa tectônica, a Sul-Americana, longe das instáveis regiões de contato entre placas. Segundo, porque as fraturas daqui geram no máximo terremotos médios como o de Caraíbas. Mesmo que um abalo atinja uma cidade grande, provavelmente os efeitos não serão devastadores. “As casas do vilarejo desabaram por serem construções muito simples, sem suporte estrutural. Em áreas urbanas, as estruturas são reforçadas e mais resistentes a tremores dessa intensidade.

3281 – Mega Tour – O Piscinão de Algarrobo, no Chile


Aps de luxo no piscinão gelado

Algarrobo é uma comuna da província de San Antonio, localizada na Região de Valparaíso, Chile. Possui uma área de 175,6 km² e uma população de 8.601 habitantes (2002).
Algarrobo é conhecida pelo hotel/resort San Alfonso del Mar, nele encontra-se a maior piscina do mundo – com 1 km de extensão e 80 mil m² – reconhecida pelo Guinness Book. Segundo o site ohgizmo, a maior piscina do mundo custou cerca de US$ 1,5 bilhão para ser construída e sua manutenção despende de outros US$ 4 milhões por ano. Além de nadar, na maior piscina do mundo é possível também andar de caiaque, vela, mergulhar e utilizar um serviço de barca que transporta os usuários de um extremo a outro do resort.
É conhecida como a “Capital Náutica do Chile”.
Seu nome se deve à abundância da árvore algarrobo.

Piscinão

Esta praia do Pacífico Sul não é nenhum Taiti, como você pode ver na foto. Para piorar, a temperatura do mar em Algorrobo, na costa central do Chile, agrada mais aos pingüins que às gatas de biquíni. Como, então, convencer veranistas endinheirados a comprar apartamentos milionários nessa gelada? No megacondomínio San Alfonso del Mar, erguido pelo empresário Fernando Fischmann, o oceano é coadjuvante. O lugar tem a maior piscina do mundo, um colosso de 1 quilômetro de extensão, 80 mil m 2 de área –o suficiente para a prática de esportes náuticos –e capacidade para 250 milhões de litros de água. A água, aliás, é bombeada do Pacífico e passa por um sistema de purificação inventado pelo próprio Fernando, que é bioquímico de formação. Segundo o empresário, o método é 50 vezes mais econômico que o tratamento da água de uma piscina comum –o que possibilita seu uso em piscinas de dimensões ridiculamente grandes. Ainda assim, a manutenção do tanque de San Alfonso custa US$4 milhões por ano. O piscinão do Fernando não é tão gelado quanto o ar chileno, mas ainda fica longe dos padrões baianos: no verão, a água chega a 26 o C.
O piscinão de San Alfonso del Mar equivale
…à área de 9,5 campos do Maracanã ou…
…ao volume de 8 piscinões de Ramos ou…
…de 100 piscinas olímpicas ou…
…de 1,8 milhão de banheiras ou…
…de 700 milhões de latas de cerveja.

Veja no mapa do Chile

3280 – Geografia – Everglades, o pantanal americano


Everglades,o Pantanal norte-americano

O Parque Nacional Everglades (em inglês: Everglades National Park) é um parque nacional norte-americano localizado na porção meridional dos Estados Unidos, no estado da Flórida. É a o única área sub-tropical preservada da América do Norte. O parque possui uma flora tanto sub-tropical, como tropical, e é muito conhecido pela sua grande quantidade de pássaros, além dos aligatores e crocodilos. Cobre uma área de 6.105 km² e recebe cerca de um milhão de visitantes anualmente.
O local, onde situa-se o parque, foi autorizado a ser um parque nacional em 30 de maio de 1934, sendo totalmente estabelecido, como parque nacional, em 6 de dezembro de 1947. No dia 24 de outubro de 1979, o parque Everglades foi declarado patrimônio mundial pela UNESCO.
A cidade mais próxima do parque é Homestead.
Os Everglades são uma região pantanosa subtropical localizada no sul da Flórida, com grande relevância ecológica.
A área é habitat de diversas espécies nativas, e é atualmente protegida pelo Everglades National Park. A grande cidade de Miami é abastecida com boa parte da água do Everglades.
Passeio pelo ninho de jacarés

3279 – Paleontólogos descobrem menor e mais jovem tiranossauro


Pesquisadores que trabalhavam no deserto de Gobi, na Mongólia, descobriram o esqueleto quase completo de um dinossauro da ordem dos tiranossauros que tinha menos de três anos quando morreu. Ele é o menor e mais jovem da espécie a ser localizado. O animal, chamado Tarbosaurus bataar, é o parente mais próximo do Tyrannosaurus rex.
Em vida, ele deve ter pesado menos de 32 quilos, frente às seis toneladas de um T. bataar adulto, segundo estudo publicado em “The Journal of Vertebrate Palentology”.
Os pesquisadores conseguiram determinar a idade pelo exame microscópico de um dos ossos da perna, que revelaram pausas periódicas no crescimento –como os anéis num tronco de árvore.
Dinossauros adultos da ordem dos tiranossauros possuem ossos do crânio extremamente fortes, especialmente os da mandíbula, capazes de aplicar forças muito intensas de torção e flexão.
Nos mais jovens, porém, os ossos do crânio são mais delicados, os dentes, mais finos, e a mandíbula, muito mais fraca. Isso sugere que o T. bataar jovem tinha mais chances de capturar sua presa usando a surpresa e a velocidade, em vez da força devastadora usada por seus pais.
Em outras palavras, o T. bataar alterava sua dieta conforme crescia, diferente de outros dinossauros predatórios.
“Esta é uma das imagens mais claras que temos desses dinossauros”, afirmou o professor de paleontologia da Universidade de Ohio e principal autor do estudo, Lawrence M. Witmer. “Ela nos dá a melhor visão das mudanças de estilos de vida desses animais enquanto eles cresciam.”