Mandíbulas de Aço – Cães atacam na Alemanha


Um garoto de 6 anos foi estraçalhado por um pitbull e um staffordshine terrier num parque em Hamburgo. Para interromper o ataque foi necessário que a polícia abatesse a tiros os 2 animais, mas foi impossível abrir as mandíbulas do pitbull, encravadas no pescoço do menino levando-o a morte. O ministro ameaçou banir as raças agressivas. A Alemanha tem leis rígidas, mas é tolerante em relação a esses animais. São populares, sobretudo entre a comunidade turca, que promove rinhas. Berlim tem 3 milhões de habitantes e 200 mil cachorros. Em todo o país são 3,6 milhões, produzindo 360 toneladas de excremento por dia. Habitualmente indiferentes e até mesmo hostis com desconhecidos, os alemães ficam amáveis com qualquer um que leve um animal preso à coleira. Lá é o país que mais se desenvolvem as raças caninas. Mas vêm surgindo cachorros assassinos que não podem ser chamados de amigos do homem, mas sim de amigos da onça.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s