Menopausa precoce pode ser congênita


Pesquisa científica demonstrou que menopausa precoce pode existir devido a um defeito do cromossomo X. As portadoras na fase reprodutivas podem ter filhos desde com dificuldade para o aprendizado e hiperatividade até retardo mental severo e autismo. A doença é hereditária. Mulheres com tal anomalia entram na meno pausa com idade média de 35 anos.
Medicina Fetal Ajuda a Diagnosticar Doenças
Medida da translucência Nucal – São exames de rastreamento da população, ou seja, que levantam a suspeita de defeitos congênitos, justificando a continuação da investigação pelos outros exames. É realizada entre a 11ª e a 14ª semana de gravidez. É feita durante a ultrasonografia de rotina. Embora a maioria dos fetos com aumento da translucência são normais, esse é um sinal de alerta para erron no número de cromossomos (Síndrome de Down), más-formações cardíacas, renais, ósseas e síndromes genéticas.
Ultra sonografia morfológica – Realizada entre a 20ª e 24ª semana, podendo ser um exame convencional ou pela vagina. Investiga-se nela, defeitos ósseos, faciais, pulmonares, digestivos, renais e cardíacos.
Amniocentese – Entre a 14ª e a 20ª semana de gravidez. Uma agulha é introduzida no útero, guiada pela ultrasonografia. O líquido amniótico é aspirado. Pode se analisar as células fetais do líquido ou medir a concentração de substâncias, cuja alteração sugere defeitos congênitos.
Aborto – Nos casos do má formações graves dos fetos, só é possível no Brasil por meio de autorização judicial, concedida após análise criteriosa. Pode demorar 30 a 45 dias. Juízes que seguem uma linha de bioética católica dificilmente concedem a liminar, já os que levam em conta o sofrimento da mãe, são favoráveis.
Mini Glossário
Cariótipo -Exame de análise e contagem de cromossomos.
Congênito -Qualquer problema de saúde que já nasce com a pessoa. As causas podem ser genéticas, infecciosas ou ambientais, como substâncias tóxicas, radiações, medicamentos.
Exame de DNA – Pesquisa de mutações em genes específicos.
Líquido aminiótico – É o líquido que envolve o feto. Produzido pela placenta e pelos rins fetais.
Translucência nucal – Líquido acumulado na nucan de todos os fetos, que produz uma imagem de transparência na ultra sonografia.
Vilo corial – O percurssor da placenta, nos 3 primeiros meses de gravidez.

Medicina – O que é hemodiluição?


Medicina – O que é hemodiluição?
Em cirurgias, um dos grandes riscos da perda de sangue é a queda da pressão arterial, o que pode ser evitado com um recurso simples chamado hemodiluição. Trata-se de uma transfusão de soro, uma solução fisiológica que ajuda a expandir o volume do seu sangue. Então parte do sangue é retirado para ser reposto na cirurgia. O principal cuidado a ser tomado pelos médicos é manter a diluição no ponto certo, para evitar a queda na taxa de glóbulos vermelhos, que resultaria em anemia e perda de glóbulos vermelhos.
Autotransfusão
Entre todas as alternativas, é a que apresenta a maior segurança. O paciente doa a si mesmo algum volume de seu próprio sangue. A colheita se faz com antecedência e as bolsas de sangue ficam congeladas até o momento em que se torna necessária a transfusão, mas a técnica só é viável em cirurgias programadas com antecedência. Os exames de rotina verificam se o paciente apresenta anemia acentuada, mesmo que se use eiditripotina, uma droga desenvolvida pela engenharia

Previsões na Economia – Para os economistas, o futuro seria a miséria


As profecias marxistas baseadas na lei da taxa decrescente dos lucros que tenderiam a zero, o regime capitalista imporia aos trabalhadores um acúmulo de exploração com o aumento da jornada de trabalho, incluindo trabalho infantil e diminuição dos salários, mas acreditava-se que a longo prazo tudo se resolveria com o comunismo. Para os economistas ortodoxos , porém , a humanidade estava condenada a uma inexorável caminhada para a miséria, com salários de fome, lucro zero , renda concentrada e altíssima mortalidade infantil. Um quadro que é realidade em alguns países.

A Galáxia M 32


M32

M32 ou NGC 221 é uma das galáxias satélites da nossa enorme vizinha Andrômeda. Podemos classificá-la como uma galáxia elíptica e também como uma galáxia anã. Elíptica, por conter, uma forma esférica ou elipsoidal, e por não parecer um espiral como, por exemplo, a Galáxia do Cata-Vento. E anã por ser pequena comparada à grande maioria. Na sua parte mais longa possui 8 mil anos-luz. Muito pouco comparado aos 220 milhões de anos-luz da Andrômeda.
Apesar de pequena, M32 é uma galáxia bem densa. A grande maioria das suas estrelas são gigantes vermelhas e amarelas. Estrelas de pouca massa e de temperaturas relativamente baixas. A falta de gás na galáxia impede a formação de estrelas novas e massivas. Isso acontece em quase todas as galáxias satélites. As gigantes galáxias que elas orbitam roubam o gás dessas galáxias impedindo-as de formarem regiões de maternidades.
Mas há indícios de uma explosão na população de estrelas em um passado recente. A causa ainda é incerta, mas o que se sabe é de, uma grande densidade no centro da galáxia, fora do que se espera. Existem teorias que dizem que M32 se chocou com uma galáxia anã bem menor e esse choque provocou um rápido e leve starburst no centro da galáxia. Seu núcleo tem algo perto de 5.000 estrelas por parsecs cúbicos.
Todos eles orbitando o buraco negro supermassivo que há no centro a velocidades relativamente altas. Isso tudo é uma grande surpresa vindo de uma galáxia anã.! Os cálculos indicam que o buraco negro da M32 pode ter até 5 milhões de massas solares e que possam existir mais 100 milhões de massas solares orbitando-o.
M32 pode ser observada facilmente com qualquer telescópio. É só apontar para Andrômeda e desviar o foco um pouco para o lado para vê-la. Com uma magnitude de 8.1 até binóculos bons em noites perfeitas verão o júbilo da M32.

O que é Doença Neurológica?


Trata-se de uma degeneração generalizada das células nervosas que transmitem aos músculos os sinais elétricos para o movimento. A transmissão vai cessando e os músculos vão perdendo a atividade e se atrofiando. O grau mais grave é a esclerose lateral amiotrófica , que pode evoluir em 4 anos com morte por parada respiratória. A Miotrofina é o Primeiro medicamento de uma nova geração de produtos e constitui a versão obtida por engenharia genética, de fatores de crescimento nervoso produzidos no músculo e denominados de acordo com sua função; fator de crescimento nº1 semelhante a insulina.

Antibióticos X Bactérias – 2° Round


Bactérias

Cronologia:
Século 19 – Não havia remédio capaz de impedir o avanço das bactérias. 8 a cada 10 pacientes de infecções graves morriam.
1928 – A descoberta na Inglaterra de uma substância antibiótica em fungos, a penicilina ameaçou a liderança das bactérias.
1941- Aplicado como rotina nos feridos da 2ª Guerra Mundial, o antibiótico penicilina disparou, derrotando as bactérias.
1946 – Derrapam. Surgiram potentes bactérias capazes de competir com a penicilina, mas então surgiram novas drogas.
Anos 70 – Os antibióticos aceleraram e passaram a derrotar tranquilamente toda e qualquer bactéria causadora de doenças.
Anos 80 – As bactérias sofreram mudanças genéticas para não perder para os remédios, que também se modernizaram, mantendo a vantagem.
Anos 90 – Com impressionante rapidez, as bactérias se desviaram e ultrapassaram os antibióticos, incapazes de novas manobras para alcançá-las. Em experiência, ingleses misturaram 2 espécies de bactérias, a staphylococcus aureus e a enterococcus. A primeira quase imbatível, porque já havia deixado para trás mais de 200 tipos de antibióticos conhecidos, exceto a vancomicina. A 2ª, por sua vez, sabia o que fazer para derrotar tal antibiótico e esse segredo foi transmitido as primeiras, após alguns dias de convivência em tubo de ensaio. Isso foi há pouco mais de uma década, em, Londres. Os pesquisadores ficaram tão aterrorizados com o que viram que tocaram fogo no material utilizado. O staphylococcus é um germe comum em infecções de cortes cirúrgicos e se não puder ser controlado, uma simples operação de apêndice passaria a oferecer graves riscos. Desde a descoberta da penicilina por Fleming em 1928, se alterna a liderança entre antibióticos e bactérias e a previsão é a de que sejam vencidos por elas, um dos seres mais primitivos da Terra. No passado, mulheres morriam de parto por causa de contaminação no sangue, e uma simples infecção de ouvido podia se metamorfosear numa terrível meningite e pequenos cortes as vezes provocavam complicações fatais.

Doenças Causadas por Microorganismos


Tuberculose – No século 19 dizimava milhares de doentes, sendo chamada de peste branca. Depois da descoberta da estreptomicina em 1947 e de outros antibióticos a mortalidade decresceu a índices nulos. O aparecimento da vacina BCG ( Bacilo de Calmette e Guérin) aplicada á crianças por via oral, tem contribuído para livrar milhões de crianças do bacilo de Kock.
A lepra é produzida por outro bacilo, o de Hanse, no organismo infectado, o bacilo tem um período de incubação bem prolongado, chegando a 6 ou 8 anos. Seu tratamento é difícil e demorado, só havendo cura para os casos diagnosticados precocemente. Os doentes precisam ser isolados.
A desenteria bacilar é produzida por vários tipos de bacilos, entre eles a sigella dysenteriae. É grave, sobretudo em crianças; com elevado índice de mortalidade. O doente apresenta febre alta, diarréia intensa com cerca de 20 evacuações por dia, perda de sangue junto com as fezes e desidratação. Existem vacinas eficientes na prevenção da doença.
Atualmente não existe absolutamente uma única bactéria que não seja capaz de vencer na melhor das hipóteses 2 antibióticos. 2 Em cada 7 novos casos de tuberculose no planeta são provocados por micróbios ultra-resistentes, por isso, 5% dos tuberculosos acabam morrendo, mesmo no primeiro mundo. Uma única bactéria deixa nada menos que 16,7 milhões de herdeiros em 24 horas. As sobreviventes são capazes de ensinar ás outras o truque de enfrentar as drogas. Poros nas membranas se abrem, por onde as bactérias passam um plasmídeo da resistência a outro germe. Trata-se de um pedaço circular de DNA, que as bactérias costumam desprender.
A acinetobacter é um micróbio que fixa residência nas mãos e daí vão para lençóis, seringas, esparadrapos e etc. Caso haja infecção, só há uma arma para combatê-la: uma droga criada nos anos 50, a polimicina B, que foi aposentada por causa dos efeitos colaterais extremamente tóxicos. Tal bactéria foi encontrada em 9 dos principais hospitais paulistanos, públicos e privados.

Higiene e saúde


A OMS estima que uma parcela maior da população tiveram acesso a água potável e instalações sanitárias em países subdesenvolvidos e com isso houve uma redução na mortalidade infantil. Mas essas conquistas são neutralizadas por outras ameaças. Mais de 17 milhões de pessoas no mundo estão infectadas pelo HVI e 8 mil por dia e em 1 ano 1 milhão de crianças já contraíram; 80% em países subdesenvolvidos. A tuberculose matou 98% em países do 3° mundo. A bactéria da tuberculose tem se aliado ao HIV, piorando o estado dos aidéticos. Ocupando lugar destacável temos o câncer, as doenças cardíacas, as tropicais como cólera, dengue e febre amarela. A malária, embora considerada erradicada há 50 anos ainda mata. A cada 8 segundos uma criança morre de doenças diarréicas. Doenças mortíferas empestam moradias pobres. A assistência médica não está ao alcance de todos. É como uma mercadoria de luxo em um Shopping. A OMS tem recomendado o uso do SRO á base de arroz, em vez de SRO padrão á base de glicose para tratamento de pacientes com cólera. Estudos mostraram que pacientes tratados com arroz evacuaram 33% menos e tiveram crises mais breves de diarréia do que os tratados com soro padrão. Para preparar 1 litro, substitui-se os 20 gramas de açúcar por 50 a 80 gramas de farinha de arroz cozida.
Certos antibióticos como a penicilina, são os mais rápidos: chamados bactericidas, suas moléculas vão derretendo as paredes das bactérias até se tornarem finíssimas. Momentos antes de se dividirem, os germes começam a fazer cópias de suas proteínas e daí, seu volume interno aumenta. Então a membrana não suporta e o micróbio explode. Entre elas, porém, há sempre uma ou outra ligeiramente diferente do restante que consegue sobreviver e segue adiante.

Mergulho no Inferno


A mesma história de sempre
Duas tempestades de verão transtornaram a vida do Rio de Janeiro e mostraram que eram e continuam sendo urgentes as obras contra inundações naquela cidade. Essas 2 tempestades de verão inundaram boa parte dos bairros da cidade e infernizaram os motoristas com congestionamentos de trânsito. A precipitação média de fevereiro é de 93,9 mm; nas duas enxurradas de 1991 choveu 168 mm. O RJ não resistiu nem mesmo na zona sul, um reduto da classe média. O engarrafamento foi de 27 km durante 8 horas. Canalização e drenagem não são visto pelos eleitores, por isso, os políticos gastam dinheiro com obras mais vistosas. Em 1988, uma tempestade nas mesmas proporções matou 250 pessoas, a maioria soterrada em deslizamentos de terra.

Água destilada evapora mais rápido que a comum


Toda mistura homogênea de 2 ou mais componentes evapora-se mais lentamente que uma substância pura. A água destilada, composta exclusivamente por moléculas de h2o, tem o ponto de ebulição mais baixo que a água comum. Quando sai da torneira, apesar da aparência límpida, a água carrega outras substâncias, como sais minerais. Esses componentes dividem espaço com as partículas de água na superfície onde ocorrerá a evaporação, fazendo com que menos líquido passe para o estado gasoso. Além disso, as partículas de impureza interagem com as moléculas de água, segurando-as e dificultando a fuga para o ar. Mas a diferença é mínima porque o número de partículas misturadas com a água é muito pequeno.

O que é a Maçonaria?


É a maior sociedade secreta do mundo, criada pelas corporações de pedreiros e construtores de catedrais durante a Idade Média, nas ilhas britânicas e nos países sob o domínio britânico. Seu nome deriva da palavra inglesa stonemason, que significa pedreiro. Com o declínio das construções de catedrais medievais, algumas lojas maçônicas, como eram chamadas os vários grupos que surgiram, começaram a aceitar membros honorários para compensar o declínio de seus membros oficiais. Em 1717, foi fundada na Inglaterra a primeira grande loja, uma fusão de várias lojas e a partir daí, a maçonaria difundiu-se por todo o mundo, mas foi banida de alguns países como Hungria, Polônia e Egito, pois embora não seja uma instituição cristã, adotam muitos dos elementos dessa religião: seus ensinamentos pregam a moralidade e a caridade. Hoje, para ser admitido na associação é necessário ser adulto, ser do sexo masculino e crer na existência de um ser supremo e na imortalidade da alma.
Maçonaria no Brasil
Na luta pela emancipação política no Brasil, a Maçonaria teve importância. Dela foram membros José Bonifácio e posteriormente o próprio D Pedro. Perde-se no tempo a data da formação da Maçonaria, sabe-se apenas que nasceu de uma associação de trabalhadores livres da Europa e maçon em francês significa pedreiro. Era uma espécie de sindicato ou corporação secreta e com o tempo foi adquirindo conotação política. No Brasil reuniu nomes de elite.