Estranha Partícula


Em 18 de janeiro de 1932, 2 franceses, um deles casado com Irene Curie, filha do casal Curie, bombardearam um bloco de parafina com radiação e observaram o surgimento de uma partícula subatômica, que não sabiam identificar. Na dúvida, afirmaram que era um próton, até então o único componente conhecido do núcleo do átomo. Não queriam crer que tivessem descoberto algo novo. Menos de 1 mês depis, no dia 17 de fevereiro, ao observar a mesma partícula numa experiência parecida, um cientista inglês de nome Chadwick declarou que se tratava de um componente do núcleo ainda desconhecido e sem carca elétrica, o nêutron. A descoberta lhe valeu o prêmio Nobel de física de 1935.

A descoberta do Lítio reduziu os custos com a bomba. Antes era necessário mais de 40 quilos do escasso plutônio para obter cerca de meio quilo de trítrio. Numa pequena explosão atômica, num raio de 1 km e meio, não há possibilidade de sobrevivência. A Bomba H possui efeito maior. A que foi explodida no Atol de Biquini contagiou com radioatividade toda a tripulação do barco pesqueiro Dragão Feliz, que se achava a 137 km de distância.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s